MOMENTO ARRÁ

Pera. Não fala nada.

Você tá sentindo alguma coisa?

Tô. Tô sentindo que você não ouviu o que eu pedi!

Que é que cê quer que eu faça? Tô te vendo aí de testa enrugada, olhos arregalados, lábios trêmulos, só posso achar que tá tendo um troço. Ou isso, ou pretende imitar o Caetano cantando “Cucurrucucu Paloma”.

Taí, ótimo. Satisfeita? Você acabou de estragar meu momento “arrá”.

Momento “arrá”?

É o novo nome que tão dando a insight. Não leu a Superinteressante da semana passada?

Não. O dinheiro que eu tinha reservado pra coisas inúteis acabei gastando com um CD do Zezé de Camargo e Leonardo.

Luciano.

Leonardo, Luciano, Lucrécio, Lucano, tudo é nome de autor clássico.

Leonardo não é autor clássico.

Como não? Você nunca ouviu a interpretação dele pra “Sinhá Moça”?

Incrível! Quando o negócio tinha o nome de insight nunca consegui ter um. Resquício do antiamericanismo da adolescência. Mas agora tava quase lá. Ouvi até o arr… arr…

Tem certeza que não era um pombo? De vez em quando acordo de noite e eles tão lá: arrr, arrr…

Por uma vogal! Uma vogal e eu teria tido uma epifania, descobriria as verdades sublimes do universo, o caminho a seguirr, o sentido da vida ou, no mínimo, das letras do Djavan.

Se uma vogal propiciasse tudo isso, cantor de axé music atingia o nirvana. Já sei. Quem sabe você não vai aos poucos? Começa com um momento “eita”, passa prum momento “uh-rrru”, talvez um “caraca, véi”, e assim vai, até, por fim, alcançar o momento…

Porra!

Bom, o momento “porra” é fácil de conseguir. É só a gente tirar a roupa, ir pra cama e…

Era uma interjeição. “Porra” era um interjeição.

Veja você. E eu a vida toda achando que era um líquido cheio de espermatozoide!

Quer parar? Acho que tá voltando. Silêncio. É! É ele! O momento… Tá vindo!

Assim de última hora, sem dar um telefonema, marcar hora, trazer um vinho?

Silêncio! Tô sentindo. Tudo se encaixa em minha mente, o cérebro tá em plena atividade, pronto a conceber o inefável… Mais um pouco… só mais um pouco… e…. Putz!

Só pra eu entender direito: hierarquicamente falando, o momento “putz” está acima ou abaixo do momento “arrá”?

Você não vai acreditar nisso! Aconteceu. Todas as energias de minha psique atuaram em conjunto com uma força inigualável, memórias reprimidas foram finalmente liberadas de meu subconsciente com uma clareza assustadora e, quando tudo terminou, quase como por milagre, havia descortinado meu verdadeiro eu.

E daí?

Daí que, putz, meu verdadeiro eu é a cara da Regina Duarte.

Não fica assim, Regina, digo, Andrade. Quem pode confiar num momento “arrá”? Se ao menos fosse um momento U2.

Tô me sentindo péssimo. Tô com medo… Com medo! Ih, já tô falando feito a Regina Duarte!

Calma. Olha, lembra de quando falei do momento “porra”? Pois então, a proposta ainda tá de pé. Vem cá, vem, meu ti… Não! Calma. Espera. Agora sou eu que tô tendo um insight. Ou melhor, um momento. Um momento “ai”. Ahn… É, definitivamente. Tô tendo um momento “ai”.

“Ai”? Momento “ai”? E o que ele revela?

Que não vai rolar o momento “porra”. Ai. Maldita dor de cabeça!

6 Comentários

  1. Arrá!
    Putz, duas vezes numa semana, porra!

  2. Puxa, Marconi, eu me divirto tanto qdo vc escreve por aqui q dá vontade de obrigar vc a fazer isso com um chicote.

    (favor não associar a minha pessoa com um chicote com um “momento porra”)

  3. Minha namorada tem o momento mãozinha na cabeça. É só me coçar o cocuruto que eu apago.

  4. Marconi Leal · ·

    Também conhecido como momento “ronc-fiiiiu-ronc-fiiiiu”.

  5. Marconi Leal · ·

    Já tentei escrever por aqui com um chicote, Ulisses, mas prefiro o teclado.

  6. Marconi Leal · ·

    Viu? Foi um momento U2.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: